fique

por dentro

15.png
WhatsApp Image 2022-10-10 at 13.18.52.jpeg

15 de outubro de 2022

Conversa: COSMOLOGIA INDÍGENA NA ARTE CONTEMPORÂNEA na MIAC
Com Sandra Benites, Xadalu Tupã Jekupé e Andreia Duarte. 

 

A MIAC — Mostra Internacional de Arte Contemporânea surge em Porto Alegre, Rio Grande do Sul, para integrar diversas linguagens artísticas, em especial a música, as artes visuais e as artes cênicas. A mostra integra o movimento de artistas que se dedicam às pesquisas estéticas com diálogos multidisciplinares propostos, a partir do debate a respeito de identidade e futuro por meio da arte.

clique aqui para mais informações

 

Mundu Rodá

31 de maio de 2022

HILEIA: Manifesto das Margens e Outros Gritos - Mundu Rodá 22 anos

 

Palestra TEATRO E OS POVOS INDÍGENAS: Por uma Reinvenção da Vida

Nesta conversa Andreia Duarte fala essencialmente sobre as relações de alteridade na arte, dos diálogos e trocas entre indígenas e não-indígenas, da reciprocidade rítmica com o planeta e sobre a criação como um lugar de oportunidade e sonho.
Também desenvolvendo atravessamentos entre a percepção do próprio corpo e do corpo indígena, a partir de uma prática e pesquisa inserida no campo anticolonial e trabalhando diretamente com parceiros artistas e líderes indígenas.

Na CASA MUNDU RODÁ (Rua Southey 106 - Ipiranga - São Paulo)

Inspirar Espiral

26 de abril de 2022

Inspirar – Espiral, lives em Gestão e Produção de Teatro e Cultura

 

Com a proposta de fomentar reflexões e atualização do cenário cultural no Amazonas, o Laboratório de Escutas Cênicas da Universidade do Estado do Amazonas (LEC/UEA) promove um ciclo de lives sobre Gestão e Produção Teatral.


Na Youtube da Universidade do Estado do Amazonas

 assista aqui 

275551396_331223082360707_7350487815087990653_n.jpg

14 de março de 2022

Plataforma TePI com Ailton Krenak e Andreia Duarte Mediação: Ricardo Cabral

 

Uma conversa entre os dois aliados, criadores do TePI - Teatro e os povos indígenas, o líder indígena Ailton Krenak e a artista Andreia Duarte. Um bate-papo sobre a criação do TePI, refletindo sobre o seu percurso, fundamentado na produção artística indígena, nos sentidos políticos ecológicos emanados pelas obras apresentadas e no necessário entendimento do lugar comum que é o planeta terra, espaço plural de todas existências.

Seminário Internacional Arte e Ecologia no site: www.arteeecologia.com.br/

 assista aqui 

memorabilia.jpg

14 de dezembro de 2021

“A memória não está em nós, somos nós que nos movemos numa memória-Ser, numa memória-mundo”. ( Deleuze)

Atualmente vivemos imersos não só numa pandemia global, mas também em imensas crises políticas e sociais. Como perceber o outro como uma possibilidade de si mesmo?

Em contraste à atualidade, Memorabilia traz vozes e corpos que apontam para uma “utopia possível”: a reorganização do mundo pela reinvenção do humano.

Encontros para falar de um futuro no site www.phila7.com.br/memorabilia/

 assista aqui 

Teatralidades e Povos Indígenas

26 de novembro de 2021

Mesa Teatralidades e Povos Indígenas

As singularidades dos modos de expressão artística de povos originários da América Latina são tema do debate entre o filósofo e líder indígena Ailton Krenak e a dramaturga, diretora e pesquisadora de origem mapuche Paula González Seguel Andreia Duarte, cocuradora e idealizadora da Plataforma TePI. Eles conversam sobre a riqueza material e simbólica dos povos, manifesta em seus ritos e tecnologias. Também trazem para o encontro temas urgentes – tais como violações de direitos humanos, luta pela terra, devastação ambiental – e seus desdobramentos nas manifestações cênicas.


No youtube.com/sescemsantos

  assista aqui 

FILTE e PPGAC/UFBA

22 de novembro de 2021

IX Colóquio Internacional Cênico da Bahia - CICBAHIA 2021

13º Festival Latino Americano de Teatro de Bahia

FILTE e PPGAC/UFBA

ARTES DA CENA: VISÕES DO AGORA

Roda de Conversa com Andreia Duarte (SP), Dodi Leal (SP), Ivani Santana (BA) e Any Luz (COLÔMBIA) 

​Mediador:  Leonardo Sebiani (BA)

site do festival 

Políticas da Destruição

08 de novembro de 2021

POLÍTICAS DA DESTRUIÇÃO, POÉTICAS DA RESISTÊNCIA: Ainda dá tempo de adiar o fim do mundo?

Diante da urgente crise ambiental que atravessamos a Mostra Internacional de Teatro de São Paulo convida pensadores, políticos e artistas para discutir essa questão. Mesa-redonda com Eliane Brum, Ailton Krenak, Gerald Häfner e Gabriela Carneiro da Cunhacom mediação de Andreia Duarte.

Na Plataforma mitmais.org

 assista aqui  (é necessário cadastro para acessar o conteúdo)

FETO experiências em cena

30 de outubro de 2021

Na programação do FETO Teatro Festival Estudantil de Teatro 2021

acontece o webnário - Teatro e os povos indígenas, experiências em cena.

As convidadas Zahy Guajajara e Lilly Baniwa contam sobre suas experiências como artistas da cena, os caminhos que as trouxeram ao teatro e os processos de criação com parceiros indígenas e não indígenas.

No canal do Youtube do FETO Teatro:

 

 assista aqui 

WhatsApp Image 2021-10-21 at 14.12.14.jpeg

22 de outubro de 2021

Na programação da 18ª Semana Acadêmica das Artes do Corpo da PUC SP: Pluralidade dos Corpos na Cena, Andreia Duarte participará da mesa "Performatividade e Luta Ambiental". Uma conversa com Yara Costa e mediação de Samira Brandão sobre o papel dos processos de criação artística e de performance na luta de resistência protagonizada pelos povos indígenas e ativistas ambientais contra as forças do latifúndio e da exploração capitalista do meio ambiente.

No canal do Youtube Artes do Corpo PUC


assista aqui

WhatsApp Image 2021-09-02 at 18.04.58.jpeg

06 de setembro de 2021

A palestra de abertura do 10º Seminário de Pesquisas em Andamento (SPA) será feita pelo líder indígena Ailton Krenak com o tema "Deu branco na Arte?". O diálogo será mediado pela artista e pesquisadora Andreia Duarte, no dia 06 de setembro às 10h.

 

Para assistir a essa palestra e várias outras ações do seminário, além de receber certificado de participação, basta realizar sua inscrição no link, com taxa de participação de R$30: https://www.even3.com.br/spa2021/

As palestras e apresentações artísticas também serão exibidas, de forma gratuita, no canal do SPA no YouTube. 

 

kuarup.png

05 de setembro de 2021

 Um dos assuntos do Revista CBN deste domingo (05) é o ritual Kuarup. Para falar sobre ele, Petria Chaves recebe a atriz, curadora e diretora artística Andreia Duarte (@andreiaduartedefigueiredo). Ela morou cinco anos no Parque Indígena do Xingu com o povo Kamayura e, desde então, trabalha como aliada dos povos indígenas, completando 20 anos de realizações.

Você pode acompanhar ao vivo através do rádio ou aplicativo da CBN. Outras opções, com imagem, são o site, Twitter e Youtube da rádio ou o Globoplay. Depois, a conversa ainda fica disponível na íntegra nas plataformas digitais da CBN.

Janelas Abertas4.jpg

27 de julho de 2021

Uma coletânea de publicação semanal com textos de autores de várias regiões do Brasil, Chile e Equador abordando as relações entre o teatro e os povos originários.

 

Um projeto estético e político que busca o reconhecimento do povo originário na essencialidade da sua existência. Um conteúdo que une pensamento e prática do fazer teatral e da diversidade e singularidade das experiências de artistas indígenas.

Disponíveis no site da n-1 edições e da Outra Margem.

 

acesse aqui

WhatsApp Image 2021-07-25 at 09.43.07.jpeg

25 de julho de 2021

Bailarina, coreógrafa, diretora e professora, Dudude Herrmann convida Andreia Duarte para uma tarde de conversas sobre arte como desvio. 


Informações e inscrições no canal de Instagram @coisasdedudude.

 

Screen Shot 2021-04-24 at 12.19.51 PM.pn

1º de junho de 2021

Naine Terena e Andreia Duarte irão ministrar aula no curso EAD “Entre a Caixa preta e o Cubo branco: Perspectiva da Cenografia e da Expografia no Brasil”, do Itaú Cultural

O curso apresenta aos alunos os diferentes campos de atuação da cenografia e da expografia, abordando aspectos históricos, práticos e reflexivos. As aulas serão permeadas ainda com o compartilhamento de experiências de profissionais atuantes em diversos contextos da cena nacional. No dia 1 de junho de 2021, das 19h às 21h, Naine Terena e Andreia Duarte apresentam a aula “Perspectivas: arte indígena”, levantando um debate sobre outras cosmovisões a partir da produção artística indígena e suas diferentes linguagens, meios de produção e relação com as instituições.
A aula será gravada e o link para acesso será disponibilizado em breve aqui.

WhatsApp Image 2021-04-24 at 20.26.49.jp

28 de abril de 2021

“Olhar da onça” integra programação do ATL - Acampamento Terra Livre 2021

Nos canais do Facebook, Youtube e Instagram da APIB - Articulação dos Povos Indígenas do Brasil, que é organizadora do ATL.  A programação completa pode ser acessada pelo site do ATL

Olhar da Onça - a floresta projetada é uma obra poética visual que traz a perspectiva da floresta sobre a cidade, por meio da voz e do trabalho artístico de vários líderes e artistas indígenas, como Denilson Baniwa, Daiara Tukano, Brisa Flow, Nelson D, Renata Tupinambá, Gustavo Caboco, Sonia Guajaraja, Ailton Krenak, entre muitos outros.

Para saber mais acesse nossa página sobre o projeto aqui. 

WhatsApp Image 2021-04-20 at 12.11.43.jp

23 de abril de 2021

Andreia Duarte e Ailton Krenak participam de bate-papo promovido pelo CIRC - Centro de Intercâmbio e Referência Cultural, de Belo Horizonte

 

O experimento cênico O silêncio do mundo é um espetáculo criado pelo líder indígena Ailton Krenak e a performer Andreia Duarte, que teve a sua primeira apresentação durante o 27º Porto Alegre Em Cena - Festival Internacional de Artes Cênicas. No bate-papo, Ailton e Andreia conversarão sobre como se deu o processo criativo, a construção dramatúrgica e como pensam a continuidade do trabalho!

CLIQUE PARA ASSISTIR